Brasil. República Federativa do Brasil
Notícias RSS

contraste

separador

Comissão Permanente de Acessibilidade define ações estratégicas

Atualização de cartilha e parcerias com órgãos públicos estão entre as prioridades


Coordenador da CPA, Eng. Eletric. Antônio Claudio Coppo 

A Comissão Permanente de Acessibilidade do Crea-SP (CPA) voltou a se reunir na Sede Angélica no dia 16 de setembro, definindo ainda para 2020 três ações prioritárias: a atualização da cartilha de acessibilidade, a viabilização de parcerias com o Governo do Estado e órgãos públicos (para fiscalização das prefeituras sobre a execução de projetos de acessibilidade antes do fornecimento de alvarás e Habite-se) e a ocupação de maior espaço das questões de acessibilidade em materiais institucionais do Conselho.

De acordo com o Regimento do Crea-SP, a Comissão de Acessibilidade tem por finalidade, entre outros objetivos, estreitar as relações do Crea-SP com os seus profissionais no sentido de informá-los, sensibilizá-los e capacitá-los para atuarem corretamente, de forma a garantir a acessibilidade ao meio físico nos ambientes por eles produzidos, além de sugerir ao Plenário a efetivação de convênios com organismos que atuam e fiscalizam a aplicação da legislação relativa ao tema.

Protocolos de segurança

Durante a reunião o Superintendente de Colegiados, Eng. Alim. Gumercindo Ferreira da Silva, agradeceu a presença de todos os membros da Comissão e enalteceu os protocolos de segurança adotados pelo Crea-SP que viabilizaram a volta das reuniões presenciais.


A rotina de trabalho na Sede Angélica, onde acontecem todas as reuniões dos órgãos colegiados, foi retomada seguindo todos os protocolos de segurança e prevenção determinados pelos órgãos de governo e de saúde, como a obrigatoriedade do uso de máscaras para todos os participantes, espaçamento de 1,5m entre as cadeiras, totens com álcool gel espalhados pelo ambiente, higienização de microfones a cada uso e tapetes higienizadores.


Eng. Alim. Gumercindo Ferreira da Silva (dir), enalteceu os protocolos de segurança adotados 

Foco na inclusão

Na avaliação do coordenador da CPA, Eng. Eletric. Antônio Claudio Coppo, o empenho da Comissão tem foco em tornar cada vez mais acessíveis os ambientes públicos, privados e as cidades. “As pessoas com deficiência precisam disso para que estejam realmente incluídas e se sintam participantes da sociedade. Com isso, vão se sentir também mais valorizados”, ressaltou.


Também fazem parte da CPA, como titulares, os seguintes conselheiros: Eng. Mec. Celso Rodrigues; Eng. Quím. e Eng. Seg. Trab. Francisco Innocencio Pereira; Eng. Agrim. e Eng. Civ. Luis Alberto Grecco; e Eng. Civ. Michel Sahade Filho.


Os suplentes são: Eng. Quím. e Eng. Seg. Trab. Balmes Vega Garcia; Eng. Civ. e Eng. Seg. Trab. Carlos Alberto Guimarães Garcez; Eng. Agr. Ricardo Victoria Filho; Tecg. Transm. Distr. Eletr. Antônio Carlos Catai; e Eng. Minas Ricardo Cabral de Azevedo.

 

Produzido pela CDI Comunicação

Links Relacionados


  • compartilhar
  • Enviar por e-mail
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Linkedin
índice de notícias

Exibir notícias por:

Institucional

Fiscalização

Tecnologia

Área tecnológica na mídia










Crea-SP

Av. Brigadeiro Faria Lima, 1059

Pinheiros • São Paulo • SP • CEP 01452-920

Atendimento: 0800-0171811